Sobre o mesmo assunto

Dedicatória do famoso prospectivista francês, no seu mais importante livro.

Livro « Joël de Rosnay, 2020, les Scénarios du futur » com dedicatória para Sofia França-Meyer. 315 páginas. Em francês. 15 cm x 23 cm. França, 2007, assinado em 2012. Excelente estado.

Para Sofia, viva Braziou ! e homenagem muito cordial do autor
Joël De Rosnay

Nos anos 2020, minha filha Sofia será uma adolescente e, logo, uma jovem adulta : como será o mundo dela ?

Joel de Rosnay (nascido em 1937) tenta responder essa questão neste livro prospectivo. Por exemplo, os anos 2020 vão ver o nascimento de novos engenheiros e arquitetos do infinitamente pequeno, que usarão a tecnologia nano biológica, a informática e a tecnologia ambiental para criar os produtos de amanhã. As tecnologias de comunicação vão também experimentar um crescimento explosivo e necessidade de controlar hackers, vírus, informações manipuladas, etc. Enfim, a prorrogação da expectativa de vida, através de uma maior compreensão dos mecanismos de envelhecimento, criará graves tensões sociais e políticas. Longe de ser pessimista, este livro tenta mostrar os dois lados das evoluções tecnológicas, os novos benefícios e as novas ameaças.

Por que esse documento é raro ?

Joël de Rosnay, Doutor em Ciências, é o presidente da empresa Biotics Internacional e Assessor do Presidente do Museu de La Villette, em Paris. Entre 1975 e 1984, foi Diretor de Aplicações de Pesquisa no Instituto Pasteur. Ex-pesquisador e professor do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), no campo da biologia e ciência da computação, ele atuou como consultor científico da Embaixada da França nos Estados Unidos e foi Diretor Científico da Sociedade Européia de Desenvolvimento Empresarial (empresa « venture capital »).

Defensor de uma relação harmoniosa entre o homem e a natureza, especialmente através do esporte, Joël de Rosnay fez também parte dos pioneiros do surf na França, na costa basca, a partir de 1957. Campeão nacional, ele representou o país no campeonato mundial Austrália Surf, em 1964 e no Peru, em 1965. Ele até ensinou o surf para a atriz Catherine Deneuve, em Anglet…

♦ Coleção da minha filha ♦