Sobre o mesmo assunto

O famoso escritor e empresário, apaixonado e ciumento, escreve para sua amante.

Uma carta manuscrita de Monteiro Lobato, com papel timbrado do Sindicato Nacional da Indústria e Comércio, com envelope também manuscrito endereçado a Leonor De Aguiar que morava na Rua Capitão Salomão, atrás do Correio Central. Uma página. Em português. 21,3 cm x 27,6 cm. Sem informação sobre data e localização. Bom estado. R$ 2.500.

Monteiro Lobato recebeu uma herança que lhe permitiu voltar-se para sua paixão e publicar seus primeiros contos em jornais e revistas. Ele tornou-se também editor e empresário, passando a imprimir livros também no Brasil em uma época em que os livros brasileiros eram editados em Paris ou Lisboa.

Por que esse documento é raro ?

Nessa carta, nota-se uma pontinha de ciúmes quando fala que deseja um outro encontro onde « não haja um nariz francês que monopolize a conversa ». O cabeçalho do « Sindicato Nacional de Industria e Commercio » lembra também que Monteiro Lobato, além de um grande escritor, foi também um empresário de sucesso.

♦ R$ 2.700 ♦