Postal manuscrito do grande fotógrafo e fundador da agência Magnum, Henri Cartier-Bresson, escrevendo para o coreógrafo Lincoln Kirstein.

Carta em formato de cartão postal, escrita e assinada por Henri Cartier-Bresson, para Lincoln Kirstein. Em francês e inglês. 14,9 cm x 10,5 cm. 10/10/89. No verso, uma fotografia de Cartier-Bresson mesmo : em preto e banco, Zurich 1964. Excelente estado.

Très Cher Lincoln, Your memorial to a marriage and your sweet dedication will fascinate Martine and I. Nancy invited the 3 of us to the ballet, the strong elegance of Balanchine was there and behind all that your tremendous perséverance (I don’t know the English word!) and enthousiasme communicatif. Have you received my drawing book, “line by line” Affectionately from both of us. Henri

Henri Cartier-Bresson (1908 — 2004) foi um fotógrafo francês, considerado o pai do fotojornalismo. Em 1947, fundou a agência fotográfica Magnum junto com três colegas e amigos. Rapidamente, ganhou contratos de revistas famosas como a Life, Vogue e Harper’s Bazaar para viajar e registrar imagens únicas pelo mundo inteiro. Fotografou, por exemplo, os últimos dias de Gandhi.

Por que esse documento é raro ?

Nessa carta, Henri Cartier-Bresson escreve para o coreógrafo americano, e colecionador de arte, Lincoln Kirstein (1907 – 1996). Com o mestre de ballet russo-americano George Balanchine (1904 – 1983), mencionado nessa carta, Kirstein fundou a prestigiosa Escola de Ballet americana.