Sobre o mesmo assunto

Nessa carta manuscrita, Pelé então Ministro do Esporte conta suas observações no leste da Europa.

Carta escrita e assinada por Pelé para seu amigo John Ivan Huscha do Fundo Monetário Internacional. Duas páginas com papel de cor amarela. Em inglês. 21,4 cm x 27,7 cm. 10 de outubro de de 1998. Excelente estado.

Pelé (nascido em 1940) tornou-se jogador do famoso clube de futebol brasileiro « Santos » aos 15 anos de idade. Jogou ali por quase duas décadas antes de ir para os Estados Unidos jogar com o « Cosmos », onde esteve por três anos. O tri-campeão da Copa do Mundo se aposentou em 1977.

No momento da redação deste texto, Pelé atuava como ministro do Esporte no Brasil (1995 – 1998). O grande conteúdo desta carta, onde ele fala das dificuldades dos povos russos e coreanos, mostra um aspecto pouco conhecido da sua personalidade : seu interesse pela história, pela política e pela cultura internacional em geral.

O que tem interessante nesse documento raro ?

Existem alguns autógrafos de Pelé, mas, devido a fama do astro no Brasil, o risco de falsificação é alto. Quando são autênticos, os documentos assinados pelo Rei são normalmente de pouca qualidade ou sem conteúdo. Esta carta, manuscrita e com um conteúdo surpreendente, é extremamente rara.

♦ R$ 9.000 ♦