Assinatura original do genial artista em um retrato do fotógrafo britânico dos Beatles, Robert Whitaker.

Fotografia de Salvador Dali tirada por Robert Whitaker, com um autógrafo original de Dali. 19,6 cm x 30,1 cm. Espanha, 1967. Bom estado.

No verso, uma anotação de Robert Whitaker :

Salvador Dali : the mad genius of the 20th century. Dali poses with his gold laurel wreath, a white flower balanced on the bridge of his nose. He says : « I adore the simple purity of flowers, particularly as I am such a vegetable as a human being. » Please acknowledge : photograph by Robert Whitaker. Camera press (text and illustrations) London T/I 1297-13.

Salvador Dali (1904 – 1989) foi um dos mais importantes artistas surrealistas da Espanha, atuando como artista plástico, pintor e escultor. Seu trabalho teve várias influências, como a de Pablo Picasso, que conheceu em Paris no ano de 1929, além dos trabalhos psicológicos de Freud. Na década 1930, período de grande produção artística, Dali integrou o movimento artístico conhecido como surrealismo. Suas obras, com uma qualidade artística extraordinária, são quase sempre representações de um universo bizarro, como os famosos “Persistência da Memória” (1931), “Construção Mole com Ervilhas Cozidas: Premonição da Guerra Civil” (1936), “O Sono” (1937) ou “Girafa em Chamas” (1937).

Robert Whitaker (1939 – 2011) foi um fotógrafo britânico famoso, conhecido internacionalmente por suas fotografias dos Beatles. Tomadas entre 1964 e 1966, começou durante a segunda turnê americana e os próximos dois anos viajando com os Beatles e tirando no trabalho, no repouso, no jogo, em seus passeios, em casa, no estúdio de gravação, em momentos particulares e em foto-sessões formais.

Depois Whitaker afastou-se da cena do pop e voltou ao mundo da arte, no qual ele começou sua carreira fotográfica. Um de seus temas mais famosos desse período era Salvador Dali, que ele fotografou várias vezes entre 1967 e 1972. Ele conheceu Dali em sua mansão espanhola e lhe disse que ele queria usar sua câmera « para entrar na cabeça dele ».

Por que esse documento é raro ?

Entramos em contato com o filho de Robert Whitaker, Benjamin, que nos deu algumas informações a respeito deste documento :

Essa fotografia foi um teste para um artigo chamado « Salvador Dali : o gênio louco do século XX ». Impressões de teste eram feitas antes de uma seleção final, pois as imagens são mais fáceis de ver dessa maneira ao invés de olhar para os negativos do filme de 35mm. A imagem original estava colorida. Anexei para que você possa ver o que originalmente parecia. Foi tomada em 1967 na casa de Dali em Cadequez, na Espanha. Eu acredito que foi usada também em um artigo da revista Encore no início dos anos 70. O que torna seu documento mais interessante do que muitos outros é que ele é assinado pelo próprio Dali. Essa dedicatória, imagino, valoriza muito o documento.