Sobre o mesmo assunto

Edição limitada de 1955 do livro « L´Or », obra principal do poeta francês, com uma dedicatória.

Livro « L´Or » (o Ouro) de Blaise Cendrars com uma dedicatória do autor. Edição limitada de 1955, impressa na Suiça. 15 cm x 22 cm. 210 páginas. Vem com uma carta explicando precisamente o contexto dessa dedicatória. Excelente estado. R$ 600.

Marie-Louise Bürger
saudações muito cordiais
de Blaise Cendrars

Blaise Cendrars (1887 – 1961) foi um novelista e poeta da suíço, naturalizado francês. Renomado por suas descrições de viagens, reais ou imaginárias, Cendrars fez sete visitas ao Brasil. A primeira delas ocorreu em 1924. Ele fez amizade com grandes artistas brasileiros – escritores, músicos e pintores – em São Paulo e no Rio de Janeiro. Foi também para Minas Gerais com Mário De Andrade e Tarsila De Amaral, despertando o interesse dos modernistas – até então fascinados pela Europa – pela arte barroca do estado mineiro, regional e tradicional.

Foi uma viagem com Blaise Cendrars no Carnaval que deu « o gosto pelo popular » em Tarsila Do Amaral que se apaixonou pela poesia das favelas e da gente humilde. Grandes amigo da pintora, Cendrars escreveu também os textos do catálogo da primeira exposição de Tarsila em Paris, em 1926.

Por que esse documento é raro ?

« L´Or » é a obra mais conhecida, traduzida no mundo inteiro, de Blaise Cendrars. Paul Eluard o considerava como um dos maiores poetas franceses do século XX. Temos aqui uma edição limitada em excelente estado, completada por um bela dedicatória do escritor francês « mais brasileiro » do século XX. Detalhe adicional muito interessante, juntamos uma carta da pessoa que conseguiu o autógrafo explicando as circonstâncias do encontro com Blaise Cendrars.

♦ R$ 600 ♦